Bem Vindo!

Ler é mais que decifrar códigos linguísticos...
É ver o que mais ninguém vê...
Ler é viver, é sonhar, é renascer
A cada amanhecer...
Ler é um encontro com a realidade dos sonhos
Descobrindo a cada segundo
Um mundo novo, escondido ao nosso redor...

domingo, 24 de janeiro de 2010

CRIANÇA

















CRIANÇA

A dor do teu olhar não é maior
Que a dor do meu olhar de criança
Perdida, esquecida, sem cor e sem comida.
Olhas mas não me vê entre os restos
De um pobre país perdido das Américas.
E quando chega a noite e os boinas
Azuis vão viver os seus azuis
Eu, sem casa, sem morada
Tenho somente o frio para aquecer
Meu coração que muito cedo
Descobriu o que é desesperança.
Mesmo assim, posso dividir
O que aprendi com você.
O dia amanhece...
E na minha solidão posso ouvir
Entre as nuvens do céu
A voz dos meus, que um dia
O tremor da terra levou.

(Gheysa Moura)