Bem Vindo!

Ler é mais que decifrar códigos linguísticos...
É ver o que mais ninguém vê...
Ler é viver, é sonhar, é renascer
A cada amanhecer...
Ler é um encontro com a realidade dos sonhos
Descobrindo a cada segundo
Um mundo novo, escondido ao nosso redor...

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

ALPENDRE

Por um instante me perdi
Na melodia suave da brisa matinal
Lembranças...
A chuva umidece o chão de barro
O aroma doce de frutas vermelhas
Inebria o alpendre
Uma lágrima solitária...
A delicadeza de suas mãos
Momentos ternos de uma história
Não vivida apenas sentida...
Esboço um sorriso
Enquanto observo o horizonte
A certeza que meu tempo já passou,
Que no lago de águas cristalinas
Reflete-se outro coração
Vejo as marcas de seus passos
Na madeira...
Sua chegada e sua partida...
Enquanto continuo no alpendre...

Gheysa Moura